14 de setembro de 2016

Série: Jane the Virgin


Eu sempre gostei de assistir séries, só que sempre odiei o fato de ser um capitulo por semana e a gente ter que esperar dia e hora certa pra poder assistir o novo episódio.

Mas aí alguém muito bacana inventou o Netflix, e meus problemas acabaram...hahaha

Confesso que demorei um pouco pra assinar o Netflix, mas depois disso virei a doida das séries, tenho várias na minha lista pra assistir, fora as tantas que venho assistindo, e uma delas é a Jane The Virgin.

A série foi inspirada em uma novela latina chamada "Juana la virgen", e conta a história da Jane, uma garota virgem que cresceu com a mãe a avó, onde a avó pregava o discurso da pró-virgindade para que não acontecesse como aconteceu com a mãe da Jane que engravidou na adolescência. Então Jane decide que se mantera virgem até o casamento, o que não a impede de ter um relacionamento de longa data com Michael, que entende e respeita sua decisão, mas com muito custo. Mas numa consulta ao ginecologista, a médica confunde seu papanicolau com a inseminação artificial da sala ao lado, e acaba inseminando a Jane acidentalmente, a partir daí sua vida muda completamente, passando por diversos dramas e situações que não estavam em seus planos.

Olhando assim parece ser uma série dramática, daquelas que a gente vai se derreter em lágrimas....eu chorei algumas vezes assistindo, não vou negar, mas com certeza eu ri muito mais porque a série é pura comédia, sério mesmo!!!

Quem me conhece sabe que eu adoro novela mexicana (Hola Thalia......Ma-ri-mar Auuu, costenita soy), então não seria difícil me apaixonar pela Jane, né!

É bem difícil escrever sobre a série e não dar spoilers, mas o que percebi é que não passa só de uma histórinha pra entreter a gente, porque mostra a vida de 3 mulheres (Jane, sua mãe Xiomara e sua avó Alba) com perspectivas de vida completamente diferentes, mas que vivem sempre pelo bem da família, e eu acho essa parte muito legal, porque mostra como todos temos dificuldades e como somos capazes de supera-las, mesmo quando achamos que tudo está perdido.

Se você torceu o nariz assim como eu torci quando estreou no Netflix, se de uma chance e assista o primeiro episódio, tenho certeza que você vai amar....rsrs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...